terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

CAMILINHA


SOU LIXO

Sou lixo delicioso que você compra
Consome escondido
Tem medo
Goza
Se enoja
Descarta
Eu me reciclo
Outras vendas
Pra outro você
Hipócrita
Sou lixo, lixo
A cada uso, reciclada
Num banho que não limpa
Num banho que não lava
Lixo que nunca volta a ser igual
Ao objeto original
Objeto que você consome
Numa busca louca de prazer
Mas quando goza, só goza
E depois se enoja
De me desejar
De precisar de meus lábios sujos
Se sujar em minhas fendas
Moral já suja, que se mistura à minha
Sim, eu sou um lixo
Um lixo delicioso
Um lixo reciclado
Mas me vendo pra você
Para pessoas como você
Eu sou lixo
Sou lixo
Sou lixo
Mas não sou hipócrita
A hipocrisia... hipocrisia
Ela, eu deixo pra você.

Dedicado aos meus clientes
12/08/2009
Texto Originalmente publicado em http://www.notivaga.com.br/

3 comentários:

  1. Gosto de ti, gosto da Camila também e dessa intensidade que eu nunca poderei ter...

    Um grade beijo

    Quel

    ResponderExcluir
  2. Eu te acho, mesmo quando não me vê...

    te amo tanto que nem sabe...

    Camila

    ResponderExcluir